Expo CIEE Goiás: sucesso a cada edição!

20 de abril de 2018

Recorde de público, de participantes nas palestras gratuitas disponibilizadas durante todo o evento e de alcance nos veículos de comunicação tradicionais e digitais, a 3ª Feira do Estudante – Expo CIEE Goiás 2018 realizada nos dias 20 e 21 de fevereiro, no Centro de Convenções de Goiânia, confirmou-se como evento de peso do segmento estudantil no calendário de eventos do Estado. A feira, gratuita foi uma realização conjunta do CIEE, da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) e do Programa Bolsa Universitária (PBU), com apoio do Governo de Goiás por meio da Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esporte (Seduce).

Direcionada para o aprimoramento e capacitação dos estudantes em geral, entre eles bolsistas da OVG e universitários, dos alunos do ensino médio da rede pública estadual e privada, a Expo Goiás ampliou seus contornos. “Para a comunidade estudantil beneficiada pelo PBU e alunos de ensino médio da rede estadual de ensino, é a chance que eles têm de aprimoramento educacional e profissional e também podem se valer da oferta de oportunidades de estágio e de aprendizagem. Sua programação repleta de atividades culturais e educacionais, reforçou a formação dos participantes e contribuiu para a inclusão desses jovens no mercado de trabalho”, justificou o diretor geral da OVG, à época do evento, Anderson Augusto T. de Souza – major da Polícia Militar do Estado de Goiás.

A Feira do Estudante – edição Goiás, juntamente com evento similar realizado há 20 anos em São Paulo, integra o leque de iniciativas gratuitas do CIEE voltadas à inclusão dos jovens no mercado de trabalho e ao estímulo da oferta de vagas para estagiários e aprendizes em empresas e órgãos públicos. “A Feira do Estudante reafirma mais uma vez o comprometimento das empresas com os estudantes e com o futuro do País. A consolidação do evento em solo goiano se pautou pela ampla variedade de oportunidades de estágios e capacitação para quem inicia a vida profissional”, afirma Humberto Casagrande Neto, superintendente geral do CIEE.

Ele ainda enfatizou que apesar de ser nova em relação a de São Paulo, a feira de Goiânia é importante, principalmente devido a adesão do público. “Em nível nacional, ela é importante. Foi a primeira feira que fizemos saindo de São Paulo. A experiência nos mostrou que é possível fazer uma feira grandiosa, de muitas oportunidades fora de São Paulo. A partir dessa experiência em Goiás, estamos fazendo em São José dos Campos, Sorocaba e Fortaleza, ainda esse ano. Proporcionalmente, a feira de São Paulo tem 60 mil participantes, em Goiânia temos 25 mil. Se considerarmos o tamanho da população de São Paulo e Goiás, o estado de Goiás tem uma participação muito mais ativa do que São Paulo’’, destacou o superintendente.

Abertura. A Expo CIEE Goiás 2018 contou com uma solenidade de abertura realizada no auditório do Teatro Rio Vermelho prestigiada por representantes do CIEE, OVG e Seduce Governo de Goiás, além de autoridades e estudantes contemplados pelo Programa Bolsa Universitária, um benefício cedido pelo governo estadual goiano desde 1999 que contempla alunos de baixa renda a seguirem seus estudos de graduação em faculdades particulares de Goiás.

Formada majoritariamente por jovens cursando o ensino médio ou ensino superior, a Expo CIEE Goiás foi uma chance para quem buscava melhorar a sua formação, sendo ela com uma vaga de estágio ou aprendizagem. Segundo Ricardo Melantonio, Superintendente Institucional, Jurídico e Compliance do CIEE, a instituição além de oferecer oportunidade estágio para os estudantes é um agente formador de cidadãos para o futuro do país. ‘’A responsabilidade do CIEE como entidade filantrópica, de caráter de assistência social é tamanha nesses 54 anos. Como agente de integração, ela faz a ponte entre o estudante brasileiro, empresas, instituições de ensino e mercado de trabalho. São verdadeiros atos de preparação, não só profissional, mas de cidadania. Os jovens de hoje são os profissionais de amanhã e comandarão o destino do país nos próximos anos’’, explicou Melantonio sobre a importância do CIEE para além da área de estágios.

Dividida em área educacional e espaço para expositores, a terceira edição goiana da feira trouxe uma programação que integrou atividades culturais e educacionais, entre elas palestras ministradas por especialistas de vários segmentos, destinados a reforçar a formação dos jovens.  Entre os temas levados aos participantes, destaque para como conciliar estudo e satisfação pessoal; saúde e estudo; imagem pessoal no ambiente profissional, empreendedorismo; combate à corrupção, entre outros, além de bate papo com os influenciadores digitais goianos Braz Simplício, Camila Moraes e Evandro Duarte.

Assuntos além do futuro profissional, como a educação sexual dos jovens, também foram abordados no evento. De maneira leve, lúdica e didática, a DKT Jovem levou ao público informações sobre a importância da prevenção. “Nosso projeto nasceu de uma pesquisa que apontou o crescimento dos números relativos às infecções sexualmente transmissíveis entre o público da faixa etária dos 13 aos 24 anos. Sabemos que os jovens têm cada mais informação sobre sexo e nós nos sentimos na responsabilidade de passar para eles essa informação. Não da forma tradicional, mas sim falar de igual para igual’’, disse Luan Trindade, analista de marketing institucional da DKT International, uma das empresas expositoras do evento.

 

Crescimento e resultados. Durante os dois dias de evento circularam pelos corredores do Centro de Convenções de Goiânia mais de 27 mil estudantes, sendo que mais de 21,7 mil participaram gratuitamente das palestras oferecidas, trocaram informações e experiências interagindo nos estandes de diversos segmentos, em sua maioria da área educacional – faculdades, escolas profissionalizantes e de idiomas – , que compuseram a área de exposição.

Além de ter fomentado a inserção dos estudantes e jovens no mercado de trabalho, uma vez que o Cyber CIEE ofertou 2mil vagas de estágio e 500 vagas de aprendizagem, a edição goiana também realizou bons negócios. O saldo da feira foi positivo.

Prova desse resultado, Marcelo Marinho, responsável pelas franquias da Uptime em Goiânia e Anápolis, concorda que investir na feira foi um acerto. “Ano passado, em minha primeira participação, fiquei na dúvida se ia ser um evento interessante. Depois quando entendi a proposta e seu conceito me coloquei não só como expositor e sim como patrocinador da feira. Tivemos um resultado efetivo em 2017. Efetuamos 150 matrículas em razão da nossa participação no evento. A feira nos deu um suporte muito grande. Nós fizemos a coisa certa em investir nela’’, declarou.

A Expo CIEE Goiás contou com 50 expositores, entre empresas, instituições de ensino, escolas de idiomas, que aproveitaram para se comunicar com os jovens, divulgando seus programas produtos, serviços e projetos educacionais que foram bem acolhidos pelos mais de 27,3 mil participantes do evento.

EM 2018 TIVEMOS

0

palestras

0

vagas de estágio e aprendizagem

0

visitantes

0

expositores

Assine a nossa newsletter e acompanhe a Expo CIEE de Goiás

VEJA COMO FOI

Compartilhe

PELO BRASIL

LINKS ÚTEIS

LOCALIDADES

SIGA-NOS

REALIZAÇÃO